Arquivo da categoria: Bioética

Reflexões e ensaios sobre Bioética

É pregar no deserto!

Mas eu vou continuar entendendo que a civilização precisa se construir de forma solidária.

Não é aceitável qualquer discriminação. Quem discrimina o outro é alguém que se pensa melhor que o outro.
Ninguém é melhor que ninguém. Os valores com os quais nos querem discriminar são ilusórios. Somos diferentes em aparência,  origem, habilidades, propriedades, mas em humanidade não. Temos o mesmo potencial. Se duas pessoas naturalmente diferentes, como somos todos nós, tiverem as mesmas oportunidades e os mesmos cuidados, elas alcançarão resultados muito semelhantes. Portanto, o que temos é tratamento desigual, por isso temos uma sociedade desigual. Continue lendo É pregar no deserto!

APELO ÀS CONSCIÊNCIAS

REDES DE CIDADÃS E CIDADÃOS PLANETÁRIOS

Por ocasião do 70º aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos

Nós, cidadãos dos povos da Terra, temos consciência do perigo mortal que pesa sobre o futuro de nossa humanidade comum. De fato, um duplo distúrbio climático ameaça a vida em nosso planeta. O primeiro é expresso ecologicamente pelo risco de nossa Terra-Pátria – a nossa “Mãe Terra”, nas palavras dos primeiros povos – tornar-se um “chão de vidro” inabitável para um número crescente de pessoas. Isso afetaria mais de um bilhão de seres humanos se o aumento da temperatura atingisse o limite de 4°C, e muito mais se esse limite fosse excedido. Esse aquecimento médio leva à acentuação de eventos extremos: inundações tanto quanto secas, incêndios, pragas, ciclones e tempestades. Mas a mudança climática tem outra face: a glaciação emocional e relacional expressa pela ampliação das desigualdades e do desprezo pelos mais pobres. Mais sério ainda, o medo de descer na escala social resulta na luta entre as próprias vítimas: os trabalhadores, os precários, os sem teto, os imigrantes … Quem quer que sinta a ameaça de perder o pouco que possui ou que lhe resta, teme que outro ainda mais pobre tome seu lugar. Continue lendo APELO ÀS CONSCIÊNCIAS

Governança Local – quando será?

O povo brasileiro tem levado a pior nas suas escolhas políticas. Raramente tem conseguido, que  os governos que escolheram nas urnas, voltem os olhos para as suas fragilidades.  Em grande parte, levam a pior por não acreditar na sua capacidade de produzir uma alternativa àquela que lhes “apresentam” o universo midiático. Os marqueteiros, nos fugazes momentos de eleições. Continue lendo Governança Local – quando será?